(Foto: Reprodução)
A procura pelo jovem estudante, Josinei dos Santos Cedraz, 38 anos, continua. Na tarde desta terça-feira (15), o irmão do desaparecido, Josivan Cedraz, confirmou ao Mais Região que o homem encontrado em Camaçari não é Josinei. 

Nesta segunda-feira (14), fotos de um homem, que aparenta ter problemas mentais encontrado por populares no estacionamento do Hospital Geral de Camaçari (HGC), circulou nas redes sociais e em grupos de WhatsApp como sendo Josinei. 

Como o homem parecia com o desaparecido, Josivan o encaminhou para identificação no Instituto Pedro Melo em Salvador. Após checar as digitais, os peritos conseguiram identifica-lo como Ricardo Luiz da Silva, natural da cidade Paranaguá, no Paraná. 

O Instituto conseguiu contato com familiares de Ricardo que se recusaram a recebe-lo e revelaram que ele é de usuário de crack e de bebida alcoólica.  O homem será encaminhado para o serviço de Camaçari. 


O desaparecimento

Josinei, que sofre de sofre de esquizofrenia e faz uso de medicação controlada, saiu de casa no dia 18 de setembro, em direção à Faculdade Dois de julho, onde estuda direito.

Segundo informações de colegas, o jovem frequentou todas as aulas naquele dia e depois fez o check in no hotel Pirâmide, situado próximo a rodoviária de Salvador. A família fez contato com a administração do hotel que confirmou a informação.

A família pede que qualquer informação sobre o paradeiro de Josinei, entre em contato através do telefone: (71) 99953-1714. 



null

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade