(Foto: Reprodução/Leitores)
Um grupo de ex-funcionários da empresa Cata Nordeste protestou parando as atividades da unidade, situada no bairro do Monte Líbano, em Mata de São João, na manhã desta sexta-feira (18). 

De acordo com informações apuradas do Mais Região, o atraso no pagamento da rescisão de mais de 100 ex-funcionários teria motivado o protesto. O grupo impediu que centenas de pessoas do turno das 7h tivessem acesso ao galpão da empresa. 

Por volta das 9h30, uma gerente de Recurso Humanos informou ao grupo que a parcela da rescisão que não foi paga seria feito hoje. "A empresa não tem interesse nenhum em não está pagando vocês. Foi uma questão de dificuldade financeira", ressaltou a representante da Cata ao manifestantes. 

Por volta das 10h, o acesso dos funcionários foi liberado. 

Uma viatura da Polícia Militar esteve no local para acompanhar a movimentação.



Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade