LUIS CLAUDIO ASSIS SANTOS JUNIOR. (Foto: Arquivo/Divulgação PM)
Preso em janeiro deste ano por porte ilegal de arma, Luis Claudio Assis Santos Junior, 34 anos, foi morto a tiros no Residencial Alto do Paraíso, centro de Mata de São João. O crime ocorreu no final da noite desta sexta-feira (15). O caso foi comunicado a delegacia da cidade por um homem que seria tio da vítima. 

De acordo com informações da delegacia, Luis Claudio, conhecido como 'Bororô', estava atrás do bloco 21, quando foi alvejado por disparos de arma de fogo por dois suspeitos não identificados. Os criminosos evadiram do local pelo matagal. 

Luis Claudio não resistiu aos disparos e morreu no local. O corpo dele foi removido pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT). Autoria e motivação são desconhecidas. 

null

Prisão
Em 20 de janeiro deste ano, Luis Claudio foi preso por policiais do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto) durante uma abordagem. Ele estava em posse de um revolver calibre 32. 



Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade