Domingo, 19 de Setembro de 2021
(71) 99663.6360
Geral Covid

Ministério da Saúde avalia reduzir intervalo entre doses da Pfizer

A informação é de Rosana Leite, da Secretaria de Enfrentamento à Covid; ela explicou que a variante delta e a chegada de mais doses levam o governo a estudar a possibilidade de encurtar o intervalo

26/07/2021 15h31
Por: Keila Abreu Fonte: Agência Brasil
Reprodução/ Desconhecida
Reprodução/ Desconhecida

O avanço da variante Delta do novo coronavírus e a chegada regular de lotes da vacina fazem o governo estudar a diminuição do intervalo entre as doses da vacina da Pfizer. A secretária extraordinária de enfrentamento à Covid do Ministério da Saúde, Rosana Leite, afirmou nesta segunda-feira (26) que a pasta está avaliando essa possibiliade.

Atualmente, o ministério pratica o intervalo de 90 dias. Segundo Rosana, a preocupação com a variante Delta e a previsão de chegada de remessas maiores da vacina levam o ministério a analisar a possibilidade de diminuir o espaço entre as doses. Ela não informou qual deve ser o novo intervalo.

"Provavelmente, no próximo mês, com as perspectivas de vacinas, temos uma previsão de fechar agora o mês de julho com 40 milhões de vacinas, e em agosto, 63 milhões Então, sim, nós pensaremos em reduzir esse intervalo [entre as doses da Pfizer], afirmou a secretária.

Ainda segundo Rosana, o ministério estuda reduzir apenas o intervalo de aplicação da Pfizer, e não o das demais vacinas usadas no Brasil.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.