Quinta, 19 de Maio de 2022 08:38
(71) 99663.6360
Geral Monica Costa

Você já ouviu falar sobre o TBC?

Compartilhe nosso artigo em sua rede social ou envie via WhatsApp

05/04/2022 11h42 Atualizada há 1 mês
Por: Keila Abreu Fonte: Monica Costa
Você já ouviu falar sobre o TBC?

Embarque agora nessa leitura para conhecer um pouco esse modelo de gestão que têm se mostrado mais presente nos últimos anos.

Vem comigo...

Notoriamente os viajantes tem buscado formas mais verdadeiras e sustentáveis de conhecer e fazer parte das vivências das comunidades. E foi através desse viés que surgiu o Turismo de Base Comunitária (TBC) que é um modelo de gestão da visitação protagonizada pela comunidade, gerando benefícios coletivos, promovendo a vivência intercultural, a qualidade de vida, a valorização da história e da cultura dessas populações, bem como, a utilização sustentável para fins recreativos e educativos, dos recursos naturais (ICMBio, 2018).

Um exemplo de TBC que vêm ganhando espaço são em comunidades indígenas, principalmente na Amazônia.

O Turismo de Base Comunitária busca ressaltar o sentido coletivo de vida em sociedade, promover a qualidade de vida e valorizar o local. Além disso, os turistas e ou visitantes e a comunidade receptora interagem trocando experiência.

E por falar nisso, vou contar aqui para vocês, um pouco da minha.

No ano passado tive a oportunidade de experienciar o roteiro de visitação na modalidade TBC da localidade de Abadia, município de Jandaíra, Bahia.

Estão preparados? Então vumbora...

Primeiramente nosso pequeno grupo foi recepcionado com um café da manhã regional, aquela fartura de comidas típicas que são verdadeiramente espetaculares, regado ao cafezinho passado na hora e linkado àquela prosa boa, divertida e cheia de carinho que só o baiano desenvolve com maestria.

E depois dessa comilança, seguimos para fazer a digestão no percurso da mini-trilha, considerada de grau leve (e é mesmo), e literalmente “gostosa”, visto que é recheada de árvores frutíferas por todo caminho. Logo no início paramos em uma imensa jaqueira onde nosso guia local Noquinha, de sorriso largo, nos contou a história daquela árvore tão abundante. Sim, minha gente, porque tudo tem contexto, são muitos “causos” e tal.

E assim, cada vez mais, fui me sentindo integrada àquele modo de vida tradicional da comunidade. Uma troca de saberes e vivências que não dá prá mensurar.

E lá vamos nós, pela trilha, com paradinhas aqui e ali, nos cajueiros, nas mangueiras, nas mangabeiras, de forma prazerosa e única, colhendo e saboreando.

Na sequência visitamos a casa de barro que fica em frente ao manguezal, onde Seu Mário contou um pouco da sua alegria de ter nascido e permanecido ali e de suas aventuras como marisqueiro.

Ah! Rolou também a parada em um lugar fantástico com direito à banho de piscina, balanço de rede e a continuidade da farra gastronômica, onde fomos contemplados com um almoço, só comida fresca e de qualidade.

Tem alguém babando aí? Kkkkkk

Retornamos para o centro de Abadia onde prestigiamos apresentações culturais e roda de conversa; passeio na comunidade com direito a curiosidades, artesanato e sobremesas; e por fim, sentamos na Praça da Igreja e atentamente ouvimos a contação das histórias de Abadia.

Foi uma experiência autêntica, uma verdadeira imersão no dia-a-dia da comunidade.

E aí, meus leitores, vocês gostaram? Já tiveram oportunidade de vivenciar o Turismo de Base Comunitária?

Se sentir vontade, escreve aí nos comentários.

Um xêro da Moni e até Junho.

22 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Monica Costa
Sobre Monica Costa
É turismóloga e especialista em Gestão Sustentável do Meio Ambiente. Ela escreve uma vez por mês.
Dias d'Ávila - BA
Atualizado às 08h33 - Fonte: Climatempo
28°
Pancada de chuva

Mín. 23° Máx. 31°

31° Sensação
17.4 km/h Vento
69.9% Umidade do ar
60% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (20/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 28°

Sol e Chuva
Sábado (21/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 28°

Sol e Chuva