Quinta, 04 de Março de 2021
(71) 99663.6360
Dólar comercial R$ 5,66 -0.108%
Euro R$ 6,77 -0.86%
Peso Argentino R$ 0,06 -0.19%
Bitcoin R$ 290.804,87 -4.361%
Bovespa 112.690,17 pontos +1.35%
Política em Foco Disputa na Câmara

Arthur Lira cresce com apoio formal do PSL e Baleia Rossi fica na berlinda

O PSL aderiu formalmente ao bloco de apoio de Lira, após a ala ligada ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) formar maioria.

23/01/2021 21h54
Por: Redação Fonte: Folha PE
Reproduç
Reproduç

A queda-de-braço entre os candidatos à Presidência da Câmara dos Deputados, Baleia Rossi (MDB-SP) e Arthur Lira (PP-AL), ganha novos contornos. Os últimos desdobramentos, contudo, não foram positivos para o emedebista. O PSL aderiu formalmente ao bloco de apoio de Lira, após a ala ligada ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) formar maioria. Segunda maior bancada na Casa, totalizando 52 deputados federais, a agremiação havia anunciado apoio a Rossi e o presidente da sigla, o deputado Luciano Bivar (PSL-PE) até agora não se pronunciou sobre a decisão dos seus correligionários.

Bivar chegou a participar do lançamento de candidatura de Rossi e divulgou nota afirmando que o partido estava “fechado” com o líder do MDB na Câmara. Porém, dissidentes do PSL não aceitaram a decisão do presidente do partido e recorreram à Mesa Diretora da Casa para lançar apoio ao candidato do PP. O apoio da maioria dos deputados bolsonarista do PSL foram formalizados no sistema da Câmara do Deputados na última quarta-feira.

O deputado Arthur Lira também registrou a contribuição da base dos deputados do PSL. “A Mesa Diretora acaba deferir a adesão da entrada do PSL no nosso bloco. Prevaleceu a vontade dos deputados”, afirmou. A eleição para decidir o sucessor do atual presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ) ocorrerá no próximo dia 1º de fevereiro e terá votação presencial.

Além de enfrentar o afastamento do PSL, Rossi ainda viu correligionário e deputado federal Fábio Ramalho (MDB-MG), anunciar que vai concorrer o pleito presidencial da Câmara. O projeto é avulso, sem apoio do seu partido, mas visa imprimir um desgaste simbólico para o emedebista. Na disputa pela sucessão de Maia, o líder do MDB conta com o apoio dos partidos Solidariedade, PT, PSL, MDB, PSB, PSDB, DEM, PDT, Cidadania, PV, PCdoB e Rede.

O presidente do MDB em Pernambuco, deputado federal Raul Henry, reforçou, ontem, que a bancada da sigla está fechada com a candidatura de Rossi. Negando qualquer tipo de rachadura dentro do partido, Henry ressaltou que houve pedido de reconsideração da disputa ao deputado Ramalho. “O deputado Fabio Ramalho é uma pessoa muito querida pela bancada, mas o meu sentimento que a bancada, com exceção dele, está fechada com Baleia. Houve, inclusive, apelos para que ele desconsiderasse a candidatura. Eu não sei porque razão ele insistiu com a candidatura”, declarou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. 24° Máx. 32°

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
90% (3mm) Chance de chuva
Amanhã (05/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 33°

Sol e Chuva
Sábado (06/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 25° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens