Quarta, 01 de Dezembro de 2021 03:13
(71) 99663.6360
Entretenimento Denúncias de assédio

Vídeo vazado mostra Marcius Melhem debochando de denúncias de assédio na Globo

Imagens foram gravadas em 2018

22/11/2021 21h52
Por: Maryane Meira
Divulgação
Divulgação

O então diretor do departamento de humor da Globo enfrentava uma investigação interna na Globo por denúncias de assédio. Mesmo assim, o clima de Marcius Melhem com os amigos era de festa, banho de ofurô e deboche com as denúncias apresentadas por atrizes como Dani Calabresa.

Um vídeo divulgado pelo colunista Leo Dias, do portal Metrópoles, mostra Melhem cantando uma música com a letra: “Não adianta ir reclamar no DAA”. DAA é a sigla da área de Desenvolvimento e Acompanhamento Artístico da empresa. 

O vídeo teria sido gravado em 15 de outubro de 2018, um ano antes das denúncias de assédio virem à público e dias depois da promoção de Melhem ao cargo de responsável pelos programas de humor da Globo.

Num coro muito animado, o novo todo-poderoso canta com o grupo de amigos: “Não tem compliance lá, não adianta reclamar no DAA”. 

Compliance é justamente o processo responsável por garantir que uma empresa cumpra e observe a legislação a qual está submetida, além de garantir a aplicação de princípios éticos nas tomadas de decisões e a preservação da integridade física dos colaboradores.

Nas imagens, aparecem dentro do ofurô, ao lado de Melhem: o cantor Leoni, Léo Lanna (roteirista), Luciana Fregolente (roteirista e atriz), Célio (roteirista), Verônica Debom (atriz e roteirista), Luiza Yabrudi (roteirista), Diego Tavares (roteirista), Renata Corrêa (roteirista). Tata Lopes (atriz e roteirista), Aldo Perrota (ator), Juca Filho (roteirista), Renata Andrade (roteirista), Paula Rocha (roteirista) são vistos fora da banheira. A grande maioria tinha vínculo com o departamento comandado por Melhem na emissora carioca.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.