Segunda, 30 de Novembro de 2020
(71) 99663.6360
Dólar comercial R$ 5,33 -0.18%
Euro R$ 6,37 +0.16%
Peso Argentino R$ 0,07 +0.35%
Bitcoin R$ 104.499,15 +8.603%
Bovespa 110.575,47 pontos +0.32%
Política em Foco Após coronavírus

Bolsonaro afirma que não haverá aumento de imposto após pandemia

Em discurso, presidente pede que novos diplomatas mostrem a estrangeiros que governo tem feito reformas econômicas

22/10/2020 15h06
Por: Maryane Meira Fonte: Uol
Reprodução
Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro se dirigiu nesta quinta-feira (22) ao ministro da Economia, Paulo Guedes, e afirmou que o Brasil não aumentou impostos durante a pandemia do novo coronavírus nem aumentará quando a pandemia acabar.

Bolsonaro e Guedes participaram nesta quinta da cerimônia de formatura de novos diplomatas, no Ministério das Relações Exteriores.

No mês passado, o ministro da Economia afirmou que o país tem que desonerar a folha de pagamento das empresas e, para isso, precisa buscar "tributos alternativos".

"Estamos simplificando impostos. O nosso país, Paulo Guedes, o governo federal não aumentou impostos durante a pandemia e não aumentará quando ela também nos deixar", declarou Bolsonaro nesta quinta-feira.

Em 2 de agosto, Bolsonaro disse em uma entrevista que só haverá novo imposto se não houver aumento da carga tributária. Três dias depois, em 5 de agosto, Guedes afirmou que o sistema tributário brasileiro é um "manicômio" e que não aumentará carga de impostos.

'Nova CPMF'

Paulo Guedes já defendeu em outras ocasiões a criação de um imposto sobre transações digitais, o que tem sido chamado de "nova CPMF", em referência à extinta Contribuição Provisória sobre Movimentações Financeiras.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), contudo, já disse que acreditar que a proposta, se enviada ao Congresso, não será aprovada.

Em entrevista à GloboNews, Maia chegou a dizer que avaliava recriar a campanha "Xô, CPMF", lançada em 2007 e que defendia o fim da CPMF.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Mata de São João - BA
Atualizado às 01h36 - Fonte: Climatempo
23°
Muitas nuvens

Mín. 22° Máx. 31°

23° Sensação
8.3 km/h Vento
84.3% Umidade do ar
90% (4mm) Chance de chuva
Amanhã (01/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 31°

Sol e Chuva
Quarta (02/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 32°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias